Total de visualizações de página

Seguidores

segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Juazeiro do Norte: vereador acusa prefeito eleito de oferecer R$ 500.000,00 de propina para que o mesmo não votasse no candidato a presidente da Câmara dos vereadores pela oposição.

E de praxe nas cidades do interior cearense a prática deste crime. (A compra de votos dos vereadores para a eleição de presidente das Cãmaras Municipais). Isto mostra e envergonha-nos da "qualidade" da política rasteira, vil, praticada no estado.                                      

O vereador reeleito de Juazeiro do Norte, Darlan Lobo (PMDB), em contato com a redação, na manhã deste domingo (30), declarou que o prefeito eleito Raimundo Macedo (PMDB), ofereceu o valor de R$ 500 mil para que ele voltasse atrás na decisão de votar junto com a oposição para votar em seu candidato a presidência da Câmara.

Darlan assegurou que não aceitou a proposta e que, se algum dos onze, que estão reunidos na praia, mudar de posição é porque se vendeu. Para Darlan, se isso acontecer, além de ser considerado um traidor, aquele que mudar de lado deve ser investigado pelo Ministério Público com a quebra dos sigilos fiscal, telefônicos e bancário para rastrear o dinheiro.

Os vereadores estão reunidos em Beberibe e devem retornar a Juazeiro na segunda, horas antes da votação.

Fonte: Site Miseria.