Total de visualizações de página

Seguidores

domingo, 16 de dezembro de 2012

Castelão pronto quase 1 bi gasto na obra enquanto isto crianças de Irauçuba adoecem por falta de água potável. viva o Ceará!

                             Pompa, luxo, glamour Ceará grandioso, rico, competente.
                                                                   
                                               Pobeza, seca, falta de água, doenças........
Hoje é a grande inauguração do novo estadio do Castelão uma obra grandiosa prova da magnificência e da competência dos políticos cearenses. Na cerimônia  inúmeras autoridades locais e até a presidenta Dilma  estarão presentes  Hora é o primeiro estadio  da copa do mundo de 2014 pronto.

Tudo no novo Castelão e  grandioso, luxuoso, bonito. Nossas autoridades especialmente o governador Cid Gomes se esmera para mostrar ao povo brasileiro  o quanto o povo cearense e competente. Infelizmente a imprensa ainda teima em querer mostrar para o país um Ceará que não existe aos olhos do Exmo Senhor Governador. O estado onde a seca esta dizimando o rebanho de bovinos , caprinos e ovinos. Imagine de que está morrendo? Fome e Sede. Por que será que esta imprensa mostra  o aperreio da população do interior deste "rico" estado que padece por falta d' água em suas casas.

A rede Globo de Televisão a poucos dias  veio à Irauçuba e mostrou no Jornal Nacional pessoas desesperadas à procura de água. Num bairro da cidade pessoas utilizavam água de um imundo cacimbão. Construído perto de um esgoto. Crianças estão adoecendo e até mesmo morrendo de doenças infecto-contagiosas por consumirem água não tratada.

Na sede de Irauçuba há exatos dois meses não cai uma gota d'água nas torneiras.. Quem pode se aventura comprar um vasilhame de água de mil litros por 30 a 40 reais. Quem não pode, que fique sem água. Os carros-pipas bancados com recursos federais não são suficientes para abastecer nem à Zona Rural imagine  a urbana. Este é o retrato de mais de 40 municípios do estado onde a maioria dos açudes que abastecem  a população com água, estão  secos. 

E o planejamento que é um pilar da administração pública não existiu? A COGERH monitora todos os açudes estaduais e não previu o colapso do abastecimento em Irauçuba e em outros municípios do Ceará? confesso-lhes sou uma  anta. Não entendo o que passa na cabeça dos "iluminados" políticos do Ceará. Eles só querem o mosso bem., ora aplicam UM BILHÃO DE REAIS num estadio, para essa corja se divertir, os mesmos ainda reclamam d' falta de ÁGUA. QUANTA INGRATIDÃO!

Quando se quer faz a solução para a falta de água em Irauçuba é a construção da adutora do açude Missí. Caso se adotasse o regime de urgência para sua construção levariam três meses para concluí-la e amenizar o sofrimento de milhares de pessoas. Uma verba de 15 milhões de reais é uma ninharia frente ao que foi gasto no Castelão.